Golpistas propõem mais arrocho para 2019

O governo do ilegítimo não dorme em serviço quando o assunto é depenar o trabalhador brasileiro. A nova proposta dos golpistas para o Orçamento de 2019, a chamada Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), inclui mais arrocho e cortes nos investimentos. O projeto, aprovado ontem, promove um verdadeiro desmonte dos serviços públicos e redução ainda maior em áreas essenciais como saúde e educação.

A Bancada do PT, no entanto, conseguiu aprovar uma alteração que retirou do projeto original a proibição do reajuste salarial, a contratação de novos servidores e a reestruturação de toda e qualquer carreira. Ainda na noite de ontem, a bancada mineira conseguiu impedir outro golpe contra o povo. Já havíamos denunciado aqui na página a retaliação de Temer ao Governo de Minas Gerais no corte de R$ 51 milhões para as obras de duplicação da BR-381. No entanto, apesar da tentativa de efetivar o boicote a Minas Gerais, conseguimos manter os recursos para continuidade dessa obra tão importante para a segurança dos mineiros e para o desenvolvimento de todo o Leste de Minas!

Esse orçamento de 2019 é só mais uma perversidade encaminhada pelo desgoverno Temer e defendida pela sua base aliada, seguindo o congelamento de investimentos previsto na PEC do Teto dos Gastos, aquela aprovada em dezembro de 2016. Lembrando que essa PEC impede que a União faça investimentos públicos em áreas prioritárias como saúde, educação, infraestrutura e segurança pelos próximos 20 anos. Nós votamos CONTRA. E você?! Lembra como cada deputado votou?

Quer lembrar como votou cada deputado na redução de investimentos (PEC do Teto dos Gastos)? Clique aqui https://goo.gl/N7gEDq


site desenvolvido por Agência Libre | 2018